terça-feira, 6 de novembro de 2012

Museu Arqueológico de Olympia

Gravura em tamanho natural da estátua de Zeus
A estátua de Zeus, chamava-se Zeus Chriselefantina.O termo Criselefantina significa tudo aquilo que é feito em ouro e marfim, e esta imensa estátua de Zeus sentado em seu trono olímpico, tinha 12,4m de altura, ficava no templo de Zeus em Olympia, e era esculpida em madeira, recoberta de placas de ouro, com as partes desnudas,  a cabeça, o tronco e os braços, cobertas de marfim. Tinha em sua mão esquerda o cetro cujo topo era um águia, o símbolo de Zeus, e estava usando uma coroa de oliveira, do tipo que eram premiados os atletas vencedores nos jogos olímpicos.O trono foi feito em ébano, decorado com ouro e pedras preciosas e o espaço das pernas do trono eram preenchidas com telas alusivas de grandes pintores da antiguidade como Polonius.
Era considerada uma das sete maravilhas do mundo antigo.A estátua foi esculpida no ano de 430 a.C. pelo grande escultor grego da antiguidade Pheidias(Fídias, 490 a 431 a.C.), que foi convidado para realizar esta obra monumental depois de terminar o seu trabalho na acrópole em Atenas.
A gravura segue fielmente a descrição de um viajante de nome Pausanias do Séc II d.C. e de moedeas gregas da época que mostravam de um lado a cabeça de Zeus e do outro, a estátua entronada.
A estátua de Zeus durou cerca de oito séculos, e no Séc IV d.C. foi levada para Constantinopla, quando então foi destruída provavelmente em 475 d.C. pelas grandes conflagrações que devastaram a cidade.  
 
 
Vasos e peças de cerâmica encontrados noas oficinas de Fídias(490 a 431 a.C.) 
 
 
 
 
 
 
Modelo da oficina em Olympia do escultor grego Fídias